2 de novembro de 2009

FIM-DE-SEMANA SALÃO ERÓTICO LISBOA


Foto retirada pelo meu amigo simpático Fernando Alvim



Mil casais passaram pela área swinger do Salão Erótico durante os três dias do evento que ontem terminou. "Só no sábado recebemos 400 casais e nos três dias cerca de mil. É um fenómeno a crescer muito em Portugal. Estive cá há dois anos e as coisas evoluíram muito", revelou ao CM o espanhol Pepe Cera, director da revista ‘Gente Libre’, que este ano explorou o espaço dedicado à troca de casais no salão de Lisboa.


O espaço tem um bar, uma cama de dossel ao centro e oito mesas à volta. A entrada custava dois euros por casal. 'Existe muita curiosidade em relação ao swing', confirma ao CM a sexóloga Vânia Beliz, que deu consultas no Salão Erótico e ficou impressionada com as 'filas enormes' para entrar na área swinger. 'Não é bem como um bar, porque no Salão Erótico há mais coisas para ver e as pessoas ficam menos tempo. Mas vi muita gente a conhecer-se e a trocar contactos', disse Pepe Cera.

Ontem, no último dia do Salão, a afluência do público foi grande. A zona dedicada ao sadomasoquismo teve muitos curiosos a verem o tratamento a que um homem de meia--idade era sujeito no palco. E enquanto nos palcos de strip todos queriam estar o mais perto possível da acção, no de sadomasoquismo os visitantes ficavam a uma respeitável distância.

A organização tinha estipulado como objectivo atingir os 20 mil visitantes, mas a marca foi ultrapassada. 'O balanço é muito positivo', disse ao CM o coordenador do salão, Pepe Vottero, reconhecendo contudo que 'devido à crise a oferta de conteúdos foi mais curta, em especial a nível de sex-shops'. Vottero garante que o Salão Erótico 'regressa em 2010 com mais conteúdos e variedade'.





ANDAM TODOS À PROCURA DO ORGASMO PERFEITO': VÂNIA BELIZ, SEXÓLOGA


Correio da Manhã – Houve muita gente a recorrer ao seu consultório no salão erótico?


Vânia Beliz – Sim, muita gente, principalmente casais, pessoas que vêm à procura de quebrar a rotina. Há também muitos casais curiosos em relação ao swing, a experiências com outras pessoas.

– Há quem a consulte só para obter informação?


– Sim. Muitos compram produtos nas sex-shops que há no salão e vêm aqui aconselhar-se. Por exemplo, uma senhora quis saber como funciona o preservativo feminino.

– De que se queixam mais os homens?


– Estão muito preocupados com a ejaculação rápida, querem dicas para prolongar a erecção e queixam-se da falta de desejo sexual das mulheres. Hoje há uma pressão muito grande sobre os homens, as mulheres estão muito exigentes. Tenho pacientes de 30 anos a usar viagra.

– E as mulheres?


– Queixam-se de falta de desejo sexual e da dificuldade em ter orgasmos. O timing das mulheres é muito diferente do dos homens. O problema é que as pessoas andam todas à procura do orgasmo perfeito e exploram-se pouco.

– Que conselhos dá?


– Temos de investir mais na fantasia e nos preliminares. Eu acho que fantasiamos pouco, o nosso imaginário erótico é muito pobre. Os casais banalizam o sexo como um acto mecânico.

– Isso acontece mais nos casais com filhos?


– Sim. Um bebé muda a vida de um casal e muitos não estão preparados. É frequente os homens dizerem que a mulher nunca mais teve desejo depois de nascer o bebé.

– A crise económica afectou a vida sexual das pessoas?


– Sim, a crise também já chegou à cama e muitas vezes os problemas que gera funcionam como uma autêntica machadada no desejo sexual.


VER MAIS AQUI

3 comentários:

Quando a lua apareceu disse...

ten aqui um bom blog!
é bom ver que a mentalidade está a evoluir.
infelizmente não pudemos ir ao Salão.
fica para o ano...
bjs aluados
Sexywife and Husband

São Rosas disse...

E a tua frase sobre a busca de orgasmo é a frase do dia no blog porcalhoto ;O)
Agora... pensa no que vais contar no Sãorau do Encontra-a-Funda. A malta tem tantas dúvidas...

sandra disse...

Por cada um dos teus Post, aumenta ainda mais o orgulho que tenho em ti. Meus caros, eis a minha querida sister no seu melhor. É bom partilhar o finalmente chegado reconhecimento por todo o teu trabalho e dedicação ao longo dos anos. Dra. Vania Beliz (e querida irmã), muito obrigada por nos abrires as portas para as potencialidades da vida sexual e da exploração do desejo e da fantasia. Adoro-te

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...